Imagens da Freguesia
Heráldica

Brasão
Escudo púrpura, um touro passante de ouro, ungulado de negro, com chifres de prata, sustendo, cada um, um castelo do mesmo, lavrado, frestado e aberto de negro. Coroa mural de prata de quatro torres. Listel branco, com a legenda a negro: Atouguia da Baleia
 
(Redação que consta do Diário da República de 5 de Junho de 2001 – n.º 130 – III Série).


A EVOLUÇÃO DO BRASÃO DE ATOUGUIA DA BALEIA AO LONGO DOS SÉCULOS

O brasão mais antigo que há memória no então concelho de Atouguia da Baleia é um trabalho esculpido em pedra, que se encontra na fonte abaixo do Castelo daquela Vila.

É representado da seguinte maneira:

“Em forma de escudo francês, com cinco escudetes postos em cruz, com cinco besantes em cada escudete, postos em santor (estes besantes representam os dinheiros com que a Judas foi paga a sua traição a Cristo), assim como da criação do escudo nacional depois do milagre de Ourique e uma bordadura em que à volta estão colocados 7 castelos conquistados aos Mouros – na parte inferior 2 touros de frente curvados em atitude de humildade a suspender o escudo nacional – no timbre está colocada a coroa real , aberta, de cinco florões alternados com pérolas.”

Talvez para honrar ou agradecer ao Rei Conquistador o povoamento e a criação do Concelho nestas terras , bem como o seu foral, foi usado este emblema, com poucas alterações do Nacional.

O segundo está colocado na Fonte de Nossa Senhora da Conceição, junto à Igreja do mesmo nome, também na referida Vila, mas já com alterações.

“Em forma de escudo português, apresenta na mesma os cinco escudetes postos em cruz, completos, com coroa aberta, sem castelos à volta. Tem os dois touros furiosos que enfrentam o último escudete na parte inferior. Por cima dos escudetes que formam os braços, estão colocados dois castelos.”

É possível que a sua representação tenha a ver com o Castelo de Atouguia da Baleia e com o de Peniche (Fortaleza).

O terceiro, que estava colocado sobre a porta principal do edifício dos Paços do Concelho em Atouguia da Baleia, foi usado até a extinção daquele concelho a 06/11/1836.

“Um escudo boleado de bico, tendo ao centro um boi, posto de perfil em campo de púrpura, sustentando um castelo representado por um pano de muralha ameiada, formado de pedras rectangulares com porta central e janelas que ladeiam a entrada em plano superior em cada uma das hastes desemboladas.”

Chegou aos nossos dias este brasão municipal que a Junta de Freguesia de Atouguia da Baleia a adoptou para sua representação.